O Oscar é o mais prestigiado e importante prêmio do cinema mundial e, aproveitando a semana de indicações e apostas, o CinedaVinci preparou uma seleção especial pra vocês!

Ao longo da história da premiação, alguns filmes receberam esse reconhecimento multiplicado, já que foram contemplados com vários prêmios, em diferentes categorias.

Levando em conta essas produções, que se consagraram no Oscar, o CinedaVinci selecionou os dez filmes mais premiados de todos os tempos da competição.

Confira os 10 mais!

 

1 — Titanic (James Cameron, 1997), 11 prêmios Oscar

Inspirado no naufrágio real da embarcação RMS Titanic, em 1912, o filme aborda o romance entre dois jovens de diferentes classes que se apaixonam durante uma trágica viagem. “Titanic” recebeu 14 indicações ao Oscar: Melhor Filme, Melhor Direção, Melhor Fotografia, Melhor Direção de Arte, Melhor Figurino, Melhor Trilha-sonora, Melhor Edição, Melhor Efeitos Sonoros, Melhores Efeitos Visuais, Melhor Música Original, Melhor Som, Melhor Maquiagem, Melhor Atriz (Kate Winslet) e Melhor Atriz Coadjuvante (Melhor Atriz Coadjuvante). Apenas as categorias Melhor Maquiagem, Melhor Atriz e Melhor Atriz Coadjuvante não foram vencidas.

 

2 — Ben-Hur (William Wyler, 1959), 11 prêmios Oscar

“Ben-Hur” é um épico filme americano, que conta a história de um mercador judeu de mesmo nome que é condenado a viver como escravo por um velho amigo. O filme recebeu doze indicações ao Oscar: Melhor Filme, Melhor Direção, Melhor Fotografia, Melhor Direção de Arte, Melhor Figurino, Melhor Mixagem Som, Melhor Edição, Melhores Efeitos Especiais, Melhor Trilha-sonora, Melhor Ator (Charlton Heston), Melhor Ator Coadjuvante (Hugh Griffith) e Melhor Roteiro Adaptado — vencendo em todas, exceto a última.

 

3 — O Senhor dos Anéis: O retorno do Rei (Peter Jackson, 2003), 11 prêmios Oscar

O filme, baseado nos livros da série homônima, escrita por J.R.R. Tolkien, é o último da trilogia, que foi adaptada para o cinema. Ele alcançou a 13º maior bilheteria da história, e foi considerado pela crítica como “visualmente deslumbrante e emocionalmente poderoso”. No ano de lançamento, ele recebeu o Oscar em todas as 11 categorias as quais foi indicado: Melhor Filme, Melhor Direção, Melhor Roteiro Adaptado, Melhores Efeitos Visuais, Melhor Direção de Arte, Melhor Edição, Melhor Figurino, Melhor Maquiagem, Melhor Mixagem de Som, Melhor Trilha Sonora, Melhor Canção Original.

 

4 — Amor, Sublime Amor (Jerome Robbins, Robert Wise, 1961), 10 prêmios Oscar

Baseado em um bem-sucedido musical da Broadway, lançado em 1957, o filme é considerado o “Romeu e Julieta” dos tempos modernos. Ele conta uma história de amor proibido entre membros de duas gangues rivais, que disputam território na periferia de Nova York. Ele foi indicado ao Oscar em 11 categorias: Melhor Ator Coadjuvante (George Chakiris), Melhor Atriz Coadjuvante (Rita Moreno), Melhor Filme, Melhor Direção, Melhor Fotografia, Melhor Direção de Arte, Melhor Som, Melhor Edição, Melhor Música e Melhor Roteiro Adaptado; não vencendo apenas a última.

 

5 — Gigi (Vincente Minnelli, 1958), 9 prêmios Oscar

O filme é centrado em Gaston, o milionário mais cobiçado de Paris. Ele se torna amigo da jovem Gigi, uma garota que está sendo treinada por sua tia para aprender a se portar entre a alta sociedade. Gaston que apaixona por Gigi e é levado a escolher entre o amor da garota ou seu badalado estilo de vida. O longa-metragem venceu em todas as nove categorias as quais foi indicado, sendo elas: Melhor Filme, Melhor Direção, Melhor Roteiro Adaptado, Melhor Fotografia, Melhor Direção de Arte, Melhor Figurino, Melhor Edição, Melhor Música Original, Melhor Mixagem de Som.

 

6 — O Paciente Inglês (Anthony Minghella, 1996), 9 prêmios Oscar

“O Paciente Inglês” é ambientado na Segunda Guerra Mundial. O filme narra a história de um combatente que tem o avião abatido e, posteriormente, recebe os cuidados de uma enfermeira canadense. O filme venceu a competição em nove categorias: Melhor Filme, Melhor Direção, Melhor Fotografia, Melhor Direção de Arte, Melhor Figurino, Melhor Mixagem de Som, Melhor Edição, Melhor Atriz Coadjuvante (Juliette Binoche) e Melhor Musica. Além disso, ele também foi indicado nas categorias Melhor Roteiro Adaptado, Melhor Ator (Ralph Fiennes) e Melhor Atriz (Kristin Scott Thomas).

 

7 — O Último Imperador (Bernardo Bertolucci, 1987), 9 prêmios Oscar

Dirigido por Bernardo Bertolucci, o filme narra a história de Pu Yi, o último imperador da China, que assumiu a posição com apenas três anos de idade. Enclausurado na Cidade Proibida até os 24 anos, o garoto só conheceu o mundo quando foi expulso pelas forças revolucionárias. Ele venceu o Oscar nas nove categorias a que foi indicado: Melhor Filme, Melhor Direção, Melhor Roteiro Adaptado, Melhor Fotografia, Melhor Direção de Arte, Melhor Figurino, Melhor Mixagem de Som, Melhor Edição, Melhor Música Original.

 

8 — Minha Bela Dama (George Cukor, 1964), 8 prêmios Oscar

A trama é centrada em Henry, um professor de fonética que aposta transformar uma simples florista em uma dama, mas a tarefa acaba se tornando mais difícil do que ele poderia imaginar. O filme recebeu a premiação nas categorias: Melhor Ator (Rex Harrison), Melhor Filme, Melhor Direção, Melhor Fotografia, Melhor Direção de Arte, Melhor Figurino, Melhor Mixagem de Som e Melhor Música. Ele também concorreu nas categorias: Melhor Roteiro Adaptado, Melhor Edição, Melhor Ator Coadjuvante (Stanley Holloway) e Melhor Atriz Coadjuvante (Gladys Cooper).

 

9 — Gandhi (Richard Attenborough, 1982), 8 prêmios Oscar

O filme biográfico narra a vida do líder indiano Gandhi, que enfrentou o domínio britânico sobre seu país utilizando a resistência não violenta. Por sua atuação, ele acabou ganhando destaque internacional e ajudou a Índia a conquistar a independência. A produção cinematográfica ganhou o Oscar nas categorias: Melhor Ator (Ben Kingsley), Melhor Filme, Melhor Direção, Melhor Fotografia, Melhor Roteiro, Melhor Direção de Arte, Melhor Figurino e Melhor Edição. Além disso, também concorreu a Melhor Maquiagem, Melhor Mixagem de Som e Melhor Música.

 

10 — Quem Quer Ser Um Milionário (Danny Boyle, Loveleen Tandan, 2008), 8 prêmios Oscar

A trama é centrada em Jamal Malik, um jovem de 18 anos que participa de uma versão indiana do programa de TV “Quem quer ser um milionário?”, e utiliza a experiência de sua vida de dificuldade para responder às perguntas. O filme foi gravado em Mumbai, contou com atores locais e teve verba reduzida. Mesmo assim, ele venceu em oito categorias do Oscar: Melhor Filme, Melhor Direção, Melhor Roteiro Adaptado, Melhor Fotografia, Melhor Mixagem de Som, Melhor Edição, Melhor Trilha sonora Original (Jai Ho) e Melhor Canção original. Além disso, ele foi indicado em outras duas categorias: Melhor Canção original (O Saya) e Melhor Edição de Som.

 

Se gostou dá um like,
Se inscreva em nosso canal, compartilhe e concorra a prêmios

https://www.youtube.com/c/CineDaVincifilmes
https://www.instagram.com/cinedavincifilmes/

Fique por dentro, fique com a gente, descubra o Mundo CinedaVinci
@cinedavincifilmes

(2)

CINEINDICA

0 Comentários

Você pode usar as tags e atributos HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>